sábado, 18 de julho de 2015

Diminuição da maioridade penal, eu aprovo


Eu gostaria de entender porque tem um grupo de pessoas que é contra a maioridade penal.
Cuidar das nossas crianças?
Só serão presos negros e pobres?
É necessário educar primeiro?
Estou cansado de ouvir este tipo de coisa.
É muito fácil defender um jovem marginal quando nunca se teve uma arma apontada para sua cabeça ou de uma pessoa amada.
É claro que há injustiças no Brasil, mas mais injustiça são pessoas que nada tem a ver com crimes serem mortos injustamente por causa deu um tênis, celular, outros objetos, ou por nada.
No dia 1º de janeiro, Michael, 16 anos, foi baleado e atropelado no Bairro Restinga em Porto Alegre. Ele foi o primeiro adolescente morto em 2015.  
Conforme levantamento exclusivo feito por Diário Gaúcho e Zero Hora, até maio quase 50 menores perderam a vida de forma violenta na região metropolitana.
Michael nunca teve envolvimento com o crime. Apenas levou azar em cruzar o caminho de uma gangue que atua no bairro.
Ele integra a estatística de 62% de vítimas que não têm antecedentes criminais. Eu gostaria de saber se alguém dos direitos humanos foi visitar algum dos parentes destas vítimas. A resposta parece ser óbvia: É claro que não!
Muitos falam que a diminuição da maioridade penal vai estragar com a vida de um jovem. E a família que ele arruinou? Como ficam os pais do filho morto por um adolescente que portava uma arma? Ou uma família que perde seu provedor em um assalto?
Um jovem de 16 anos pode votar, transar e já falam em até liberar a carteira de motorista. Ele pode fazer tudo isto e não pode responder pelos seus atos?
Desculpem-me quem acha o contrário, mas isto para mim é palhaçada.
Até uma criança sabe que não pode matar nem roubar. Logo, um adolescente de 16 anos sabe disto e se comete crimes é porque sabe também que as consequências, para ele, não são tão grandes como seriam se ele fosse um adulto.
Não vou discutir aqui sobre o sistema carcerário no Brasil que, todo mundo sabe, está falido. Também não vou debater que não temos educação, e é óbvio que um país educado é um país melhor.  O que quero expressar é que não adianta mantermos um erro por causa de outro. E depois, maioridade penal e educação são coisas diferentes.
            Um país com impunidade é um país sem controle e o nosso já perdeu faz tempo.


14 comentários:

  1. Bom dia Claudio.
    Só também a favor, mas com um pouco mais de rigidez, cada caso tem que se avaliado individualmente e dependendo do crime tendo punição cabível, essa é a minha opinião. Muitos jovens dessa idade imita os amigos, que se impor diante de muitos e ainda são influenciável. Logico que nada é pior do que nada ser feito, jovens de 16 anos matando e roubando sabendo que não serão punidos e por isso se sentindo o próprio. É um situação delicada, acho que deveria combatar e lutar para acabar com os traficantes, pois a maioria desses elementos estão usando drogas, ou roubando para manter o vicio ,com certeza deve serem punindo independente da idade. Para cada faixa etária tem que ter justiça, ate para os menos de idade, já observou que cada fez diminuí a idade dos que estão no mundo do crise, hoje temos as pessoas de 13 anos já atuando, amanhã teremos com 12 e assim por diante, onde vamos pará. Um abençoado dia. Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Eu aprovo, mas acho que a solução não está aí!
    Precisamos educar o povo, tirar das ruas os jovens, oferecer educação e dignidade,
    para não entrarem na marginalidade!
    As casas de recuperação dos jovens são vergonhosas, não recuperam ninguém....os presídios são lixo do lixo, não recuperam ninguém, nosso país está jogado e dirigido por pessoas sem caráter e sem respeito ao povo, infelizmente não vejo solução rápida, talvez leve séculos!
    Bjos e lindo post!
    http://www.elianedelacerda.com

    ResponderExcluir
  3. Eu aprovo DESDE QUE os menores infratores fiquem em um local apropriado para a idade deles, com estudo, trabalho e atividades com o objetivo de recuperá-los!
    Bjs da Su!
    www.rosachiclets.com.br

    ResponderExcluir
  4. Sim, sim, sim.

    Assino embaixo de tuas palavras.

    Abraços, tenha um bom dia!!

    Lígia e =^.^=

    ResponderExcluir
  5. Oie Claudio =)

    De verdade eu não sei o que pensar sobre isso. Primeiro por que se fomos ver os outros países que adotaram a redução penal, vamos perceber que a criminalidade não diminuiu e em alguns casos até piorou. Segundo por que sabemos o quanto o nosso sistema carcerário é precário e que não corrige ninguém.
    Acredito que o Brasil e o mundo d eu modo geral só vai melhor quando os governantes investirem em educação e igualdade social.

    Beijos e um ótimo final de semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  6. OI CLAUDIO!
    TAMBÉM ME INDIGNO, COM INVERSÕES, TEMOS QUE COMEÇAR POR ALGUM PONTO E O QUE ESTÁ FORA DE CONTROLE É A IMPUNIDADE QUE ESTES JOVENS (MARGINAIS), GOZAM,ENTÃO COMECEMOS POR AI, PUNIR QUEM MATA, POIS COMO BEM DIZES, AO AGIREM ELES SABEM PERFEITAMENTE O QUE ESTÃO FAZENDO ENTÃO, ESTÁ MAIS DO QUE NA HORA DE SEREM COBRADOS. EU, A POUCOS DIAS PASSEI PELO DESGOSTO DE VER UM DESSES MARGINAIS APONTAR UMA ARMA PARA MEU FILHO E NAQUELE MOMENTO SENTI O QUANTO ESTAMOS FRAGILIZADOS NA FRENTE DE UM VAGABUNDO QUALQUER E QUE BASTARIA UM PEQUENO MOVIMENTO PARA QUE MEU FILHO FOSSE VITIMADO NA MINHA FRENTE E DE SEU FILHO PEQUENO E QUE PARA ELE, O MARGINAL, NADA SIGNIFICARIA PORQUE SABE QUE NADA LHE OCORRERIA.
    SOU MUITO A FAVOR, POIS, DEPOIS DESTA EXPERIÊNCIA, QUERO QUE ALGO SEJA FEITO.
    ABRÇS
    -http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Concordo Claudio.
    Dão aos jovens muitas responsabilidades, como dito ai encima, uma delas, votar, então nada mais justo do que considerá-los capazes de responderem por seus atos. Quando sabemos que iremos responder por algum ato, pensamos duas vezes antes de fazê-lo.

    http://inspiracaoentrelinhas.blogspot.com.br/

    Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Eu acho que não adianta muito a redução para 16, porque logo, os de 14 vão tomar a vez, mas super apoio a redução, e espero que essa seja uma medida que venha evoluindo conosco.
    As pessoas acham que o fato da maioridade cair vai prejudicar a vida de um adolescente, mas ninguém pensa que esse adolescente já arruína a própria vida cometendo um crime, principalmente porque eles não medem os sentimentos alheios, afinal, tanto importa quem vai morrer, desde que não seja ele, né?
    Acredito que essas pessoas que argumentaram essas coisas de ser pobre, negro, criança, blablabla, realmente não fazem a menor ideia de como é que as coisas funcionam nas ruas. A gente vê por aí nego sendo assaltado no farol direto, e ninguém nem tem como se defender. Cada esquina que a gente cruz, seja ela iluminada ou não, em bairro de rico ou de pobre, não adianta, é perigoso. E outra, os crimes não são apenas esses, vão além, muito além.
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  9. Eu aprovo,mas esses políticos cafajestes não querem,pois há interesses em angariar votos. A meu ver,se dizem que aos 16 anos se pode e deve votar,significa que sabem o que estão fazendo! Logo,cadeia mesmo e nada de sair aos 18 anos com ficha limpa.
    Não sei se vai resolver,mas melhorar vai!

    Obrigada pela visita,Claudio.

    Feliz que voltou.Retorne sempre a meu espaço.

    Beijos sabor carinho e linda noite de terça-feira.

    Donetzka

    ResponderExcluir
  10. Que ótimo post!
    Eu tbm sou a favor da diminuição da maioridade penal, sei que a maioria dos jovens não tem oportunidades na vida e tenho considerado isso, mas mais ainda considero as famílias que perdem seus entes queridos através desses.
    A frase do post que apenas lendo não precisa de nenhum outro argumento é: Não adianta mantermos um erro por causa de outro.
    Pra mim já diz tudo.
    Bjuss!

    ResponderExcluir
  11. Bom, eu sou contra a redução da maioridade penal. Mas entendo seu lado totalmente, não tem como alguém que foi vítima de algum crime violento ou a família da vítima não sentirem vontade de poder ver o sujeito que fez isso condenado e preso. O problema é que isso não resolve a criminalidade. Punitivismo é só bem, como o próprio nome já diz, punição, que é o remédio que se usa quando o estrago já está feito. Eu até poderia ser a favor da redução da maioridade penal se o Brasil tivesse estrutura para suportar isso, ou seja, de que adianta botar mais milhares de jovens na cadeia se não se tem espaço nem para que os que estão lá. Eu moro em SC e sei que aqui no meu estado, se não me engano, o déficit de vagas no sistema carcerário ronda a faixa dos 50% (pelo menos em alguns presídios). Além disso, creio que o problema dos adolescentes criminosos é que eles só são lembrados pelo Estado na hora em que cometem algum crime, quando eles precisaram de comida na mesa, educação, e acesso a coisas que são consideradas direitos humanos, como dignidade e o próprio acesso ao lazer não foram lembrados. É muito fácil ignorar o fato de que existe um massacre em muitos lugares do brasil da juventude negra e pobre, são marginalizados pela sociedade em todas instâncias e ao irem para a saída que lhes resta, o crime, são muitas vezes, executados sumariamente pela polícia. Sinceramente, não tenho pena de quem mata alguém ou comete outro tipo de crime violento, punição é necessária devido a uma necessidade de ordem na sociedade (e o ECA prevê muito bem punições para jovens entre 12 e 17 anos), porém, não podemos mais ser tão hipócritas e ignorar o fato de que é melhor prevenir do que remediar.

    aguardandoocamaleao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Tem gente que acha justo um cidadão de bem morrer, enquanto espera -se de um governo corrupto, provavelmente posto por eles mesmos lá, a construção de um país melhor. Para bandido, seja de que idade for, se não tem cadeia, o cemitério é um bom lugar.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  13. Sempre dando um show nos seus comentários,amei a sua visita
    pensei que tinha esquecido do meu blog, bom final de semana.
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=eNNlFtDc1-o
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir